Arquivo da tag: Música

Atividades além da escolinha – Musicalização Infantil

Minha vida tem uma infinita  – e muito eclética – trilha sonora. Aliás, como a da maioria das pessoas!

Minha gravidez foi toda acompanhada de música, usava aquele truquezinho de colocar um fone na barriga e outro no ouvido.

Depois do nascimento me acostumei a amamentar sempre ouvindo música clássica baixinho e aquilo nos dava uma tranquilidade.

Com alguns meses de vida do Pedro começamos a fazer “música para bebês” com a querida Profe. Paula Pecker do Projeto “Musica per Bambini”. Foi uma experiência sensacional, uma das atividades mais legais para se fazer com os pequeninos.

Depois ele começou a Escolinha e tinha aulas de música todas as quintas com o “Tio Ivo”, era o dia mais aguardado da semana.

Por isso, seguindo a dica da mamãe de um coleguinha dele, acabei levando o Pedro no “Espaço de Criação Musical”, onde ele vai uma vez por semana e está amando. Já é para os “maiorzinhos” (a partir de 3 – 4 anos) e eu super indico, para conferir é só clicar aqui.

Tomara que meu gurizinho continue assim, adoraria ter um filho músico, seja por hobby ou profissão.

Por tudo isso fiquei muito feliz ao ler a matéria na Revista Pais & Filhos: “Aulas de música na infância têm efeito duradouro para a mente“. E, claro, sou super a favor de que as escolas ofereçam aulas de música (aliás poderia se estender à faculdade e ao pós! Rsrs)

Beijocas e #ficadica

001 (247)

Primeiras lições de piano com o Vô Busnello

IMG_5514

Isto é um fone de ouvidos ou um apertador de bochechas???

IMG_1646

Dance, dance, dance!!!

IMG_2580

Escolhendo CDs na Livraria Cultura

IMG_2474

Conserto de piano na casa da Tia Rosa e do Tio Beto

Mais cultura

Mais Cultura!

 

Deixe um comentário

Arquivado em Arte, Música

De protesto e de música

Não tenho ido às ruas, mas estou em casa cuidando do futuro do Brasil (o Pedro)! Porém, acho que essa onda de protestos não pode passar despercebida pelos nossos filhos, mesmo os pequeninos.

Por isso tenho uma dica ótima de música de protesto infantil : Os Saltimbancos!

Se você nasceu nos anos 70 como eu já deve ter ouvido certo, se nunca ouviu vai ouvir e vai adorar!

Como já havia falado aqui, os Satimbancos é um musical do Ave Chico Buarque, que você certamente tem em LP em algum lugar de sua casa ou de seu coração. Reza a lenda que Ele, exilado na Itália, viu o musical infantil com letras de Sergio Bardotti e música de Luis Enríquez Bacalov e resolveu fazer sua versão em português, colocando algumas músicas a mais e mais um muito de sua genialidade. Isso não foi eu que disse, mas o próprio Bardotti, neste documentário fantástico:

O musical dos italianos, adaptado por Chico, teve – como sói poderia ser – um resultado felicíssimo e até hoje é sucesso certo com a criançada (e a adultada).

Naquela época protestar era mais perigoso. Bem ou mal evoluímos com a democracia (eu gosto de acreditar que sim!). Mas uma coisa é pacífica: as músicas de protesto eram infinitamente melhores antes (ou você quer me dizer que adorou aquela música oportunista do Latino???).

Isso é tão verdade que  até hoje reverenciamos as músicas (e os cantores/compositores) daquela época que, por sinal, nunca foram superados. A repressão era horrível, mas trazia uma inspiração danada e a busca de um jeito de burlar a censura acabava fazendo a imaginação dos músicos produzir coisas inimagináveis!

Bom, chega de papo furado e vai lá aproveitar, afinal TODOS JUNTOS SOMOS FORTES! #mudabrasil

Para OUVIR  !!!

Para COMPRAR  !!! Tem na Apple Store também!

Beijos e bons e pacíficos protestos!

A capa do LP original

A capa do LP original (confessa que você conhece!)

 

“Mas não, mas não / O sonho é meu e eu sonho que / Deve ter alamedas verdes / A cidade dos meus amores / E, quem dera, os moradores / E o prefeito e os varredores/ Fossem somente crianças…

Deve ter alamedas verdes/ A cidade dos meus amores / E, quem dera, os moradores / E o prefeito e os varredores / E os pintores e os vendedores Fossem somente crianças…”

Deixe um comentário

Arquivado em Brasil, Música, Musical

The Beatles, o desenho e como nossos pais, avós de nossos filhos, são de uma geração muito mais evoluída que a nossa!

Existe uma animação infantil que está fazendo o maior sucesso aqui em casa chama-se “Yellow Submarine” e é “estrelada” por John, Paul, George e Ringo! Foi lançada no longínquo ano de 1968 e ganhou uma reedição linda no ano passado com direito a adesivos, slides transparentes com o desenhos de nossos heróis e o livrinho cheio de depoimentos e histórias legais sobre o filme. Claro que a idéia de comprar esta animação para o Pedro não foi minha, afinal sou muita careta para isso e pertenço a uma geração tão politicamente correta que beira à burrice. Ele ganhou de uma pessoa que vem de uma geração bem mais culta e que embora nada politicamente correta, era muito menos preconceituosa que a nossa: a da minha mãe!

Esta animação vem agradando crianças e adultos há muitas gerações. A definição de John Lasseter no lançamento da versão DVD  de que “no seu coração, a animação é uma forma de arte para todas as idades” se aplica muito bem a esse filme. Aliás se aplica também ao próprio John, um artista que  cria de forma compulsiva animações que agradam crianças de todas as idades. É ele o responsável por muitos dos desenhos mais incríveis e queridos dos últimos tempos ( Toy Story, Vida de Inseto, Monstros S.A., Procurando Nemo, Os Incríveis, Ratatouille e WALL-E, entre outras maravilhas).

A história é a seguinte: Os Beatles concordam em acompanhar Captain Fred em seu Submarino Amarelo  até Pepperland, um paraíso situado a oitenta mil léguas submarinas, com a missão de libertar seu povo que se encontra dominado pelos Blue Meanies. Esses malvados querem acabar com o amor, a música e as cores daquele local imaginário. E, é claro, essa jornada é cheia de músicas incríveis do quarteto fantástico, ou melhor, fabuloso!

A história aproveita  músicas já existentes gravadas entre 1967 e 1968 e inclui 4 músicas especialmente compostas para as crianças.

Ainda, sobre o filme, John Lasseter acrescenta “visualmente falando, o filme capta, de forma perfeita a contracultura, o antibelicismo e o espírito psicodélico dos anos 1960”. Sim, o apelo visual é mega-ultra-master-blaster psicodélico e na primeira vez que vi o filme fiquei meio encucada se aquilo iria fazer bem para o Pedro, chegando a desconfiar que o próximo passo da minha mãe seria colocar LSD na mamadeira do guri! Rsrs

Pois é, como contei, foi a Vó do Pedro que introduziu o moço à beatlemania. Imagine a cena, o maridão e eu, num belo dia  fomos buscar nosso rebento que estava sob os cuidados da avó. Lá chegando testemunhamos uma cena inusitada:  Pedro, vovô e vovó vendo o desenho e dançando pela casa uma espécie de coreografia que  inventaram para Yellow Submarine e que consiste em uma marchinha que ficam  fazendo ao redor da mesa de centro da sala de estar, na frente da TV.

Num primeiro momento ficamos um pouco chocados ao deparar com esta “festa sessentista” do Pedro com os avós, mas não preciso dizer que em menos de meio minuto estávamos todos fazendo um “trenzinho” ao redor da mesa,  executando a marchinha e cantarolando Yellow Submarine! Eles também têm uma coreografia especial para Lucy in the Sky With Diamonds, mas a complexidade desta me impede de descrever com palavras (terei que postar um vídeo)!

Ainda, depois de ter dado o braço a torcer e ter visto mais dúzias de vezes o filme – aliás logo estarei chegando perto das 1000 vezes, um recorde digno de Guiness – vi o quão imbecil e atrasada boba eu estava sendo. Para as crianças todo aquele apelo visual é divertidíssimo, as melodias das músicas são fáceis (e lindas) e não tem nenhum estrago maior que a Chatinha Pintadinha já não tenha feito!  Versos como “A, B, C, D, can I bring my friends to tea?” não podem ser assim tão nocivos! E mesmo “Lucy in the Sky with Diamonds”para eles não significa nada além de “Lucy in the sky with diamonds”.

Então, me dei conta que essa nossa geração do politicamente correto está se deixando imbecilizar sem motivos. Deixamos nossos filhos ouvirem as versões “politicamente corretas” das músicas infantis nos detestáveis DVDs da Galinha Pintadinha 1, 2 e 3, com arranjos horríveis e desenhos idem (sinceramente, desenhos psicodélicos – e feios – são aqueles)! Isso sem contar a xata da Xuxa! Por outro lado, deixamos de resgatar  desenhos lindos, com músicas e melodias incríveis, que poderiam estar acrescentando cultura não apenas a nossos pequenos, mas também a nós mesmos.

O Pedro ama e nos ensinou a amar também  o sãmarine (como ele chama) e – salvo se você for um desses pais que acham que tem uma mensagem subliminar altamente nociva até no Scooby Doo – eu recomendo fortemente este desenho. É diversão certa para todas as gerações!

#ficadica

EXTRAS:

Com o relançamento do filme, em DVD, também foi lançado um e-book de Yellow Submarino com venda exclusiva e gratuita (!) pela Apple Store,

O "kit" completo

O “kit” completo

IMG_7205 IMG_7206 IMG_7208

Adesivos e lâminas para brincar com os heróis!

Adesivos e lâminas para brincar com os heróis!

IMG_7210IMG_7215IMG_7228IMG_7230IMG_7211 IMG_7213 IMG_7216IMG_7232 IMG_7229 IMG_7228 IMG_7230 IMG_7226

3 Comentários

Arquivado em Dica, Diversão, Filmes, Música, Musical

Domingo em Família dia 26 de maio no Santander Cultural

Conforme já alertei aqui e aqui o Santander Cultural, um domingo por mês, abre as portas para receber as famílias com seus pimpolhos de 0 a 6 anos – e toda a bagunça que isso representa – sempre com uma programação gratuita de oficinas, apresentações de grupos infantis e exibição de desenhos animados no Cine Santander. É tudo super organizadinho, com uma baita infra para as crianças, o que inclui lanchinhos, com direito a suquinhos Suvalan (a alegria dos pediatras e da minha amiga amada Fernandinha! rsrs)

O espaço é uma delícia para curtir com os pitocos: lindo, enorme e a prova de frio, chuvas e trovoadas!

Pois no próximo domingo, dia 26 de maio, haverá uma edição com a apresentação do compositor e cantor Flavio Adonis que traz no repertório o seu novo trabalho: “um CD infantil que vem encartado no livro Série Aprendiz. As canções exploram o universo educacional da alfabetização e deram origem às atividades do livro. O disco tem participações de Vitor Peixoto e Nei Lisboa e foi indicado ao Prêmio Açorianos na categoria Disco Infantil. O repertório é dedicado às crianças, aos pais e aos educadores. Flavio tem na carreira os discos Beijo de Bailarina e Na Cara.”

Só se liguem que para a apresentação os ingressos são limitados e devem ser retirados no dia, a partir das 13h (acabam cedo, palavra de quem já perdeu uma apresentação por isso!!!)

Para as demais atividades a entrada é tranqüila!

#ficadica

Nos vemos lá, ok?

O meu fotógrafo favorito estará presente!

O meu fotógrafo favorito estará presente!

2 Comentários

Arquivado em Delícias de Porto Alegre, Dica, Diversão, Uncategorized

Friday I’m Love

“Love is the only subject that does not go out of style. I don’t care whatewer you’re a gangster, a mobster, a politician, whatewer. Doesn’t matter your occupation. Sooner or later you’re gonna use ‘I love you’ and you’re gonna say it to somebody. That simply. They don’t wanna hear ‘I like you’ or ‘we could be good friends’, that’s cute. But those 3 words the whole world wants to hear it. That’s it.” Com essas palavras o “mestre dos mestres” das músicas românticas “pegajosas” encerra a entrevista dada a uma rede de TV australiana quando do lançamento de seu último “disco”, chamado “Tunkstee” e composto de hits seus em dueto com os maiores cantores countrys da américa da atualidade! Mistura de música country com música romântica é redundância, né? E, claro, sinônimo de sucesso garantido na eletrola aqui de casa! Já “baixei” as músicas (porque sou moderna) e estou amando!

Então como hoje é sexta-feira e “love is in the air” a dica para esta noite é NAMORAR!

Beijos…

P.S. Fiquem com essa letra, é uma música fantástica para cantar num karaokê!

Hello

Lionel Richie

I’ve been alone with you inside my mind
And in my dreams I’ve kissed your lips a thousand times
I sometimes see you pass outside my door
Hello, is it me you’re looking for?
I can see it in your eyes
I can see it in your smile
You’re all I’ve ever wanted, (and) my arms are open wide
‘Cause you know just what to say
And you know just what to do
And I want to tell you so much, I love you …

I long to see the sunlight in your hair

And tell you time and time again how much I care
Sometimes I feel my heart will overflow
Hello, I’ve just got to let you know

‘Cause I wonder where you are

And I wonder what you do
Are you somewhere feeling lonely, or is someone loving you?
Tell me how to win your heart
For I haven’t got a clue
But let me start by saying, I love you …

Hello, is it me you’re looking for?

‘Cause I wonder where you are
And I wonder what you do
Are you somewhere feeling lonely or is someone loving you?
Tell me how to win your heart
For I haven’t got a clue

But let me start by saying … I love you

Tell me how to win your heart/For I haven't got a clue

Tell me how to win your heart/For I haven't got a clue

1 comentário

Arquivado em Dica, Música

Programação Cultural no Verão de Porto Alegre #ficaadica

Dica cultural fantástica para mamães e não mamães. Ouvi sábado de manhã num programa de rádio da Band News. É a Programação de Verão do Santander Cultural que está “bombando” com a reapresentação dos melhores filmes e documentários que foram exibidos em 2011, várias Oficinas bacanas e a maioria dos programas concentrados durante a semana para que os que vão para o Litoral no finde também possam curtir. O Domingo no Átrio vai para as quartas às 19h, um horário bem bom para curtir agora em janeiro.

Todas as informações estão no site http://www.santandercultural.com.br/programacao/cinema.asp

PARA MAMÃES E BEBÊS

A minha super dica para as mamães que ficam em Porto Alegre são as aulas de músicas para crianças da Profe Paula, cuja escola está funcionando a pleno vapor, inclusive aos sábados!

É para crianças de 0 a 5 anos e você pode conferir no blog http://musicaperbambini.blogspot.com/

No verão tem também a parte infantil do Porto Verão Alegre que você confere em http://www.portoveraoalegre.com.br/portal/php/espetaculos.php?idc=9

DOMINGO EM FAMÍLIA – DIA 5 DE FEVEREIRO NO SANTANDER +++ GRENAL +++ SUPERBOWL

Dia 5 de fevereiro será o primeiro encontro do “Domingo em família” que inicia agora em 2012 e consiste em um dia de programação gratuita no Santander Cultural voltado para toda a família.

Nesta primeira edição vai ter: três sessões do filme Rio (11h, 15h e 17h), oficinas de arte e relaxamento e show do grupo PITOCANDO às 14h30 – sim, isso tudo “de grátis”!!!

Imperdível, não?

Pitocando é um espetáculo acústico de música para crianças. Dedicado à faixa etária de 0 a 8 anos, é uma forma prazerosa de ouvir, cantar e realizar brincadeiras musicais. São músicas cuidadosamente pinçadas do repertório folclórico de todo o Brasil, arranjadas delicadamente com uma instrumentação curiosa, surpreendente e agradável. Venha saracotear com a gente! concepção, arranjos e direção musical: Cláudia Braga e Nise Franklin –  http://www.pitocando.blogspot.com/

Se você estiver pelo centro vale a pena pegar o folder no Santander com toda a programação, eu sempre passo lá e pego e foi isso que fiz no último sábado. O “cardápio” tem toda a Programação de Verão, bem detalhada. Além da programação, lá no Santander tem também um café e um restaurante ótimos para matar a fome e curtir e uma lojinha ma-ra-vi-lho-sa aonde você pode encontrar vários livros bacanas para se presentear e presentear os amigos (meu aniversário já tá chegando, é dia 7 de fevereiro!!!).

Ainda, neste mesmo dia há outros dois belos programas para fazer em família, dicas do meu marido: Gre-nal do Gauchão e Superbowl, ele disse que é uma programação imperdível!

Que bom que a apresentação do Pitocando é cedo e poderemos fazer tudo!!!
SANTANDER CULTURAL – Localização e horários de funcionamento

Rua Sete de Setembro, 1028, Centro Histórico, Porto Alegre, Telefone: 51 3287.5550

Horários Acervo da Moeda: terças a sextas das 19h às 19h; Sábados, Domingos e Feriados das 11h às 19h

Café do Cofre – Horário regular: terças a sextas, das 10h às 19h ; sábados, domingos e feriados, das 11h às 19h
Moeda Bar e Restaurante – Segundas a sextas: 11h30 às 15h,  não abre nos feriados (Segundas-feiras acesso exclusivo pela portaria da Rua Cassiano do Nascimento.)

Loja Koralle – Terça a sexta: 11h – 19h; Sábados, Domingos e Feriados: 14h – 19h

Que teatro que nada, domingo é dia de churrasco bebê!!!

1 comentário

Arquivado em Compras, Delícias de Porto Alegre, Dica, Família, Livros, Música, Teatro, Verão