Encontros familiares

Alguns mau-humorados dizem que familía é bom apenas em fotografia. Outra frase famosa atribuída a Jean-Paul Sartre diz que “A família é como a varíola: a gente tem quando criança e fica marcado para o resto da vida”. Com a primeira eu discordo plenamente e gosto muito de fazer nela uma singela modificação “Família é bom também de fotografar” e clico a minha intensamente. Já a segunda pode ser bem verdadeira e não necessariamente negativa se tivermos a maturidade de enxergar que há muitas boas marcas que foram deixadas e que também as marcas más nos são úteis, pois servem de lição para não repertirmos elas ao criarmos o nosso núcleo familiar.

Enfim, acho família “tudo de bom” e, sim, ADORO propagandas otimistas como a da Coca-Cola. Por isso considero os “encontros familiares” sempre benvindos e não uma obrigação social apavorante e desnecessária como alguns encaram. Receber familiares, além de todos os aspectos “priceless” de estar com nossa família, também significa que não haverá razão para stress, pois são ocasiões em que o importante não é o modo como você recebe e sim a oportunidade de fazermos alguma coisa juntos, regra aliás que deveria valer para todos todos os tipos de encontros, não é mesmo?

A última vez que reunimos “A Grande Família” – ou grande parte dela – foi na Páscoa em São Paulo, quando fomos conhecer o novo ente da família, o fofíssimo Pietro, como contei no post https://malumaedopedro.wordpress.com/2012/05/20/40-dias-de-pietro/. Mesmo tendo chegado em casa do Hospital com um recém-nascido a poucos dias, mamãe Fernanda estava não apenas bem e disposta, mas também recebendo toda a família para comemorar a Páscoa. Importante lembrar que esta família inclui um “núcleo” não muito pequeno e extremamente barulhento que vem num vôo direto de Porto Alegre e já chega falando alto um dialeto cheio de “tu”, “bah” e “capaz guria”. Isso poderia ser uma tragédia, mas é uma enorme diversão e tem se repetido com bastante freqüência graças aos esforços conjuntos de todos.

Pois esta família – apesar de morar cada um num canto do Globo – tem conseguido se reunir com razoável freqüência. Claro que não com tanta freqüência quanto gostaríamos, mas ao menos nos últimos anos conseguimos estar sempre juntos nas festas religiosas para brindar, comemorar e, principalmente, agradecer. Talvez por isso Papai do Céu tenha nos abençoado com tanta saúde para nossas crianças que nascem e também para aquelas crianças que já viveram um pouco mais e por isso valorizam ainda mais e aproveitam a festa com um entusiasmo ainda maior!

Muitas pessoas ainda se deprimem – especialmente no Natal – e acham estas festas familiares uma grande bobagem. Eu mesma confesso que já limitei meu pensamento à frase que escrevi no primeiro parágrafo deste texto. Mas sempre é tempo de evoluir, de ir além e – principalmente – de enxergar as coisas boas que estas datas significam e nos trazem. A maior dessas coisas, ao meu ver, e que constitui o verdadeiro milagre da Páscoa (e do Natal!) é essa oportunidade de reunir as diferentes gerações da família, numa troca sem igual não apenas de idéias, mas de lembranças e de afetos. Acho tudo isso uma delícia e vejo que os verdadeiros “ovos” e “presentes” são esses momentos e essas memórias que vão ficar para o “álbum” das histórias da família, aquele álbum imaginário que todos guardam e onde ficam eternizadas todas aquelas histórias que serão contadas e recontadas no “boca a boca” por muitas gerações a cada encontro familiar. Este álbum não tem data para acabar (nem para começar!).

2 Comentários

Arquivado em Datas Importantes, Família

2 Respostas para “Encontros familiares

  1. Fernanda

    Ameiiiio cumadre o post esta demais parabensss

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s