O cansaço, o “tentar conciliar” e as certezas que não existem

O Diego (meu marido, o ‘Poliana’, lembram?) me incomoda para que eu escreva um post por dia, pois nessa brincadeira de blog ele é o meu editor.

Ele leva sua função muito a sério, é o meu maior crítico e o maior incentivador. Reclama muito da minha falta de objetividade e da minha fuga de idéias e reduz bastante os meus escritos.

Não posso reclamar, graças a ele meus textos tornaram-se legíveis. Antes eram tão longos e enrolados que no final nem eu entendia!

Mas escrever posts diários é um desafio muito grande para mim, por hora.

Impossível falar isso sem parecer clichê ou lugar comum, mas conciliar a rotina de trabalho com a de mãe é bem pesado. Ando muito cansada ultimamente. Ainda mais trabalhando no ritmo em que estou e sendo no mãe no ritmo que sou!!! Sei que isso não é exclusividade minha e também não pretendo que seja diferente, só quero o direito de reclamar!!! E esse direito simplesmente é cassado quando se é casada com o meu marido e se tem o pai que eu tenho!

Meu marido acha o fim da picada uma “pessoa jovem e cheia de saúde” reclamar!  Deveria estar fazendo exercício, se correr pode comer de tudo! Meu pai, por sua vez, diz que não se pode reclamar de trabalho, só da falta de trabalho (ele, com quase 80 anos, acha muito cedo para se aposentar). E minha mãe está viajando numa hora dessas… Ai, ai,… Mas essa semana deixem eu reclamar, afinal, não tem nem um feriadinho! Também não esqueçam – e aí vai mais um clichê – que na maioria das vezes somos nós mulheres que cuidamos das tarefas domésticas, principalmente – Dr. Diego – da lista e das idas ao súper!

Claro que num ponto o Poliana tem razão e muito desse cansaço é porque meu preparo físico está zero! Larguei de mão a academia e não consigo perder os quilinhos a mais que encontrei depois que parei de amamentar (foi uma fase bem complicada e eu como horrores quando estou deprimida).

Cheguei a fazer um mês de academia, saía direto do trabalho para malhar. Era bem bom, pois fazia pertinho do meu trabalho e escapava do trânsito. Porém chegava em casa e o meu pequerrucho já estava dormindo! Então ficava – e fico – nesse dilema, perco umas horinhas nas quais posso estar com o pequeno e faço um exercício ou fico umas horinhas a mais com ele e dane-se o exercício? ai, ai, ai…

Culpada eu sempre estou – a CULPA, eu já disse, é uma constante na vida da mãe e, especialmente, das católicas – seja por não estar me cuidando, seja por não estar ficando tempo suficiente com meu filho, estou sempre ETERNAMENTE culpada.

Eu ia dizer que de uma coisa eu tenho certeza, mas a verdade é que não existem certezas, a única certeza que tenho na vida é que não existem certezas, então por hora acho que não vou conseguir chegar aos tais posts diários, mas tentarei manter os semanais!

Ahhh, e de uma coisa tenho “quase” certeza: mesmo sem estar com o preparo físico dos meus sonhos, umas horinhas de sono a mais ajudarão a espantar um pouco desse cansaço que ando sentindo. Então hoje o meu editor não vai precisar se preocupar, vou parar por aqui e ir para caminha nanar, aproveitando que meu Pedruca já se encontra nos braços de Morféu!

Acordar cedo tem suas compensações: a família Doriana com que sempre sonhei!

A mesma maravilhosa cena vista de outro ângulo! 😉

3 Comentários

Arquivado em Família

3 Respostas para “O cansaço, o “tentar conciliar” e as certezas que não existem

  1. DIEGO BENTO

    Esse post não passou pelo meu “crivo”!!!
    Se passasse não iria ter essa de “POLIANA”…hehehe

  2. Thiago

    Poliana? Náo entendi! náo é basílio? ahhahah

  3. Francine

    Malu, adorei o seu texto, pois sinto a mesma coisa.Temos que ser uma boa mãe, esposa, profissional, dona de casa e no meu caso ainda estudante! Excelente sua colocação quando diz que não queremos mudar nada, só queremos o direito de reclamar de vez em quando…
    Bjs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s